Google+ Badge

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Robinson e Fábio Faria receberam R$ 5 milhões em propinas prometendo privatização da CAERN, segundo delação da JBS

z
Segundo matéria o Jornal ‘O Globo’, além do presidente Michel Temer e do senador Aécio Neves, a delação da JBS envolve os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, ministros da atual gestão e governadores de estado. No caso dos ex-presidentes, o empresário Joesley Batista e o executivo Ricardo Saud relataram pagamentos em contas no exterior tanto para Lula quanto para Dilma. O saldo dessas contas em 2014 teria chegado a US$ 150 milhões.

O governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD-RN), é acusado de ter recebido junto com seu filho, o deputado Fábio Faria (PSD-RN) um pagamento de R$ 5 milhões em propina em troca da privatização da companhia de água e esgoto do estado (CAERN).

Nenhum comentário:

Postar um comentário