Google+ Badge

sábado, 19 de março de 2016

PSDB passa a ter a maior bancada da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte


O PSDB passa a ser o partido com maior representatividade na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, com cinco deputados estaduais. Nesta sexta-feira (18), o partido recebeu as filiações de Raimundo Fernandes e Márcia Maia, que se juntam a Gustavo Carvalho, José Dias e Ezequiel Ferreira de Souza, presidente da Casa. O ato de filiação ocorreu na sede do partido, em Natal, e contou com a presença do deputado federal Rogério Marinho, e do presidente estadual da legenda, Valério Marinho.

"Sejam todos muito bem-vindos. Não tenho dúvida que vocês viram para somar e crescer juntos conosco. Tenho muito orgulho de pertencer a este partido, de defender esta bandeira, e de poder representar a população do Rio Grande do Norte neste momento histórico, e ter a oportunidade de dizer, na hora certa, que eu quero Dilma fora, Lula fora, que quero meu Brasil de volta", disse Rogério Marinho em discurso que encerrou a filiação.

O presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira, que se filiou a legenda na última quarta-feira (16), destacou que o objetivo é deixar o partido cada vez maior no Estado. "Chegamos para somar e fazer do PSDB uma das maiores legendas do RN, com condições até mesmo de, quem sabe, ter uma candidatura majoritária em 2018", disse o parlamentar antes de agradecer o convite feito por Rogério, que abriu as portas do partido para sua filiação.

A deputada Márcia Maia disse que está vindo para um partido "que defende a liberdade, a democracia e as mudanças que o Brasil precisa". Palavras semelhantes as utilizadas por Raimundo Fernandes, que destacou o crescimento da legenda no Estado com as novas filiações.

Para o deputado Gustavo Carvalho, a sede do PSDB se transformará, a partir de agora, "em um quartel para buscarmos convergentes vitórias e conquistas na política do RN". Antes dele, José Dias disse que "em 2018 vamos dizer ao Brasil que o RN não é mais um feudo daqueles que destruíram o país".

Nenhum comentário:

Postar um comentário